EspondiloArtrites, os desafios e direitos do paciente.

espondiloartrites
Compartilhar nas Redes Sociais

Já falamos aqui sobre nosso compromisso com a advocacia humanizada. Nossas especializações no direito trabalhista, sindical e previdenciário confirmam nossas escolhas. Acima de tudo, optamos pela advocacia por acreditar na justiça como meio de promover o equilíbrio social. Afinal, uma causa pode mudar a vida de muita gente. Por isso, é tão natural que nossos caminhos tenham se cruzado com o das pessoas com EspondiloArtrites, os  desafios e direitos dos pacientes.

Para nós que praticamos o direito humanizado, acolhendo o cliente, entendendo suas necessidades e história de vida, certamente um convite nos emocionou nesta semana.

É provável que você desconheça o universo da Espondilite Anquilosante. Em nosso primeiro artigo sobre a doença aqui no blog trouxemos informações sobre a aposentadoria por Espondilite Anquilosante. Logo após, falamos sobre a associação entre as doenças crônicas e a depressão. Mais comum entre pacientes que apresentam problemas na coluna.

Nesses vinte anos de advocacia incentivamos as pessoas a lutar por seus direitos. A não desistir.  Assim nascem os precedentes jurídicos e os direitos de quem insiste.

Sendo assim, tratamos desse tema abordando o manual de Diretrizes de Apoio a decisão Médico-Pericial. Certamente esse é um documento que deve ser conhecido por todos os segurados. Principalmente pelos pacientes de doenças graves como a Espondilite. Você pode conferir clicando aqui. 

Também orientamos as pessoas com Espondilite Anquilosante sobre como proceder para ocupar as vagas destinadas às pessoas com deficiência. 

O direito não é uma ciência exata e não existe uma resposta pronta! Portanto, é nos detalhes e no exame atencioso das particularidades do paciente que devemos prestar atenção.  

Nesse sentido, entender o judiciário e o que um juiz leva em consideração para emitir sentença também é muito importante. Revelamos três ótimos precedentes que comprovam que vale a pena lutar na justiça por benefícios mais justos.

Logo depois, trouxemos três curiosidades sobre o auxílio-doença. Elas podem ser muito úteis para os pacientes com Espondilite e outras doenças reumáticas. 

Graças às pessoas que nunca desistiram de lutar pelos seus direitos as leis melhoram, os governos assumem suas responsabilidades e a vida dos pacientes com doenças graves ganha uma rede de apoio.

Aqui faço nosso agradecimento aos envolvidos na realização do 4º Encontro de EspondiloArtrites. Por certo, um grande encontro com pacientes, profissionais de saúde, estagiários e articuladores em prol da qualidade de vida dos doentes reumáticos.

O evento, na Câmara dos vereadores de São Paulo, é iniciativa da Associação Brasileira Superando o Lúpus, Grupar-RP, Grupo EncontrAR e Grupasp, em parceria com os Blog Artrite Reumatoide, Espondilite Anquilosante Brasil, Eu enfrento a E.A, Farmale Achou e ABCD Crohn.

Chegamos a essa rede de apoio através do Samuel Oliveira, idealizador do grupo e do blog Espondilite Anquilosante Brasil. É possível que você conheça alguém que possa ser muito beneficiado pelo trabalho incansável desse professor.

No ambiente digital, milhares de pessoas se unem em debates sobre as EspondiloArtrites, os desafios e direitos do paciente. Compartilham informações e tratamentos e se nutrem do apoio mútuo. 

Em São Paulo, médicos reumatologistas vão palestrar sobre as EspondiloArtrites. Esse grupo de doenças reumáticas, com manifestações articulares e extra articulares, chegam a afetar pele, olhos e intestinos. Situações comuns na espondilite anquilosante e artrite psoriásica.

Por outro lado, os cuidados mutidisciplinares são tema da Dra. Aline Chiari e da Coaching Camila Paraschiva.

Nós da Arraes & Centeno, Carolina Centeno de Souza e eu, especialistas em direito previdenciário, vamos abordar os temas mais desafiadores para os pacientes no âmbito da justiça. Com muita responsabilidade e imensa satisfação!

É gratificante fazer parte dessa programação dedicada ao debate das EspondiloArtrites, os desafios e direitos dos pacientes. O encontro é dia 11 de maio, das 9h às 15h em São Paulo e totalmente gratuito. 

O link para inscrição está disponível na seção eventos do nosso site

“Dores compartilhadas são dores diminuídas.” A frase que é lema do EncontrAR, resume o sentido de união entre os que buscam vencer desafio e conquistar direitos.

Até breve, meus amigos. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *